ESAP abre inscrições para novas turmas do POP da DGAP

157

 

 

 

A Escola Superior de Administração Penitenciária (ESAP), da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), abre inscrições para o Ciclo 02 do curso de Procedimento Operacional Padrão (POP) na modalidade Ensino à distância. Os servidores interessados podem se inscrever até às 14 horas do dia 28/03. Os candidatos devem preencher a ficha de inscrição disponível no  link que deve ser copiado e colado na barra de endereço: link

 

O curso é oferecido pela Gerência de Ensino da Esap com carga horária de 104 horas e está programado para iniciar no dia 08/04 e em concluído 15/05. As aulas ministradas terão como objetivo a propagação da padronização dos procedimentos de segurança no âmbito do sistema carcerário.

De acordo com o Gerente de Ensino, Leandro Militão, a modalidade permite a ampliação do acesso por parte dos servidores aos conteúdos oferecidos, fator que proporcionará maior aptidão em alto nível dos agentes de segurança prisional; aspectos que oferecerão a eficácia no labor realizado dentro dos estabelecimentos penais em Goiás. “a expectativa é que até o final de 2019, cerca de 1000 alunos/servidores estejam habilitados no POP módulo EAD”, afirma Militão.

Segundo O diretor da Administração Penitenciaria, WELLINGTON urzêda,  o curso de formação do POP resultará  em melhores níveis da profissionalização e eficiência da segurança no ambiente carcerário. “a aplicação do POP significará uma atuação menos amadora e empirista do servidor na execução dos procedimentos de segurança. A padronização, consonante com as orientações do Governo do Estado para a Administração Penitenciária, fortalece a eficácia dos trabalhos dentro dos presídios”, afirma o diretor geral.

O ciclo composto por duas fases disponibilizará 192 vagas divididas em 06 turmas que serão integradas por 32 servidores. Ao final do curso os alunos receberão certificados e estarão aptos a serem multiplicadores dos conhecimentos acessados no repasse dos conteúdos aos colegas de trabalho nas regionais prisionais das quais estão lotados.

 

POP     

O Procedimento Operacional Padrão do sistema prisional goiano foi lançado em dezembro de 2018, com o objetivo de padronizar o modo de atuação dos servidores no que diz respeito à rotina dentro das unidades prisionais. Desta maneira, com a prática do POP, é possível minimizar ocorrências negativas, além de proporcionar mais segurança ao servidor e à população carcerária.

De acordo com o Diretor da DGAP,Coronel Urzeda , a execução do POP elimina o amadorismo nas atividades operacionais e imprime maior profissionalismo nas técnicas de segurança penitenciária.

O I Curso de Multiplicador dos Processos do Procedimento Operacional Padrão foi concluído por 46 servidores, os quais já foram certificados quanto à aptidão para expandir a pratica e conhecimento do POP.