Novos vigilantes penitenciários participam de curso de formação

Sistema prisional passa a contar com mais 1.300 servidores para reforçar segurança dos presídios goianos
Fonte: A A A

 

 

A Gerência de Ensino da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) deu início, nesta segunda-feira (22/10), ao I Curso de Formação para Vigilantes Penitenciários Temporários (VPT), referente ao Edital 006/2018. Nesta etapa, foram convocados 748 que a partir de hoje passam a frequentar as aulas em Goiânia, Formosa, Goianésia, Palmeiras de Goiás, Rio Verde e Valparaíso de Goiás.

Na capital, os aprovados das regionais Sudeste e Sudoeste foram recebidos pelo diretor-geral adjunto da DGAP, tenente-coronel Agnaldo Augusto, em solenidade ocorrida no auditório da Câmara Municipal. “A presença dos senhores representa um esforço do Governo do Estado para garantir a melhoria do sistema”, avaliou.

Augusto incentivou os novos integrantes a aproveitarem a oportunidade para que no futuro possam se tornar agentes de carreira. “Vocês são um simbolismo muito grande de renovação e de expectativa de reconhecermos bons servidores. No futuro, podem ser servidores de carreira do sistema”, enfatizou.

Em seu pronunciamento, o diretor da Regional Sudeste, Leopoldo Coelho, convidou os novos servidores para refletirem sobre a nova etapa da vida. “Cuidem de suas responsabilidades, pensem bem e sejam éticos em suas ações. Pois esta profissão é composta por desafios diários”, afirmou.

Curso

O curso, com duração de 214 horas, é dividido em três módulos: Administração Penitenciária, Segurança e Disciplina e, por último, o Estágio Supervisionado. A previsão é que as atividades se encerrem no dia 27 de novembro.

No total serão convocados 1.373 vigilantes. O novo chamamento está previsto ainda para este mês e o curso de formação deve ocorrer em novembro.

 Fotos: Jota Eurípedes

 

 

Comunicação Setorial

Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)