Servidores impedem fuga de reeducandos da Unidade Prisional de Ceres

88

 

Servidores da Unidade Prisional (UP) de Ceres, pertencente à 7ª Regional Prisional Norte da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), evitaram a fuga de reeducandos do presídio nesta sexta-feira, 22/03.  Na ocasião, agentes plantonistas, durante conferência da chamada, nesta manhã, identificaram um buraco perfurado no teto de uma das celas do local, com aproximadamente 50 cm de diâmetro.

De acordo com informações do diretor da UP, Anderson Oliveira, a escavação do buraco possivelmente começou a ser feita ainda na quinta-feira, 21/03, após a verificação dos agentes plantonistas à estrutura de todo o presídio, como ocorre diariamente, tratando-se de um procedimento operacional padrão de todo o sistema prisional goiano. “Os presos chegaram a subir para a laje da cela (durante a madrugada do dia 22/03) e aguardavam oportunidade para afastarem as telhas e saírem pelo telhado da Unidade, sendo impedidos pelo adequado monitoramento de guarita realizado pelos agentes plantonistas do dia”, explicou Oliveira.

Segundo a direção, os três presos custodiados no local foram realocados a outras celas do presídio para posteriores reparos estruturais. “A cela encontra-se isolada para perícia da Polícia Técnico Científica”, completou Oliveira.

Um processo administrativo disciplinar foi instaurado para apuração interna das circunstâncias do fato e aplicação de sansões aos envolvidos, nos termos da Lei de Execução Penal. O material utilizado para perfuração da estrutura da cela foi recolhido pela administração do presídio.

Os procedimentos adotados na Unidade Prisional de Ceres visam garantir a ordem e a segurança, em conformidade com as preocupações já manifestadas pelo governador Ronaldo Caiado na gestão de todas as áreas administradas do Estado de Goiás.

 

Fotos: Divulgação

Comunicação Setorial

Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)

(62) 3201-4726

(62) 99858-4776