Assistência Educacional

148

São oferecidos aos privados de liberdade da Penitenciária Estadual “Cel. Odenir Guimarães”: Educação formal e cursos de capacitação profissional.

Educação Formal:

no interior da Penitenciária, situa-se o Colégio Estadual “Dona Lourdes Estivalete Teixeira”, conforme Lei nº 13.627, de 15 de maio de 2000, que possui cerca de 282 recuperandos, regularmente matriculados nos segmentos I e II, correspondentes ao ensino fundamental, na modalidade de Educação para Jovens e Adultos.

Proposta político-pedagógica:

possibilitar ao educando as condições de usufruir os benefícios da cultura letrada, respeitando e valorizando sua cultura de origem e os pontos positivos de sua história de vida e proporcionar a sua formação integral como cidadão, como agente construtor de seu conhecimento.

São desenvolvidas atividades complementares em parcerias com ONG’s, entidades religiosas, Clubes de Serviços e iniciativa privada, atualmente estão sendo desenvolvidas as seguintes atividades:Curso básico de informática;

Aulas de Violão e Musicoterapia;
Grupo de Teatro;
Grupo de Oração;
Palestras sobre valorização humana;

Outras atividades extra-curriculares.
Outras atividades desenvolvidas:
Street Dance;
Capoeira;
Dança de Salão;
Coral;
Curso de Confecção de Tapetes.

Treinamento e Desenvolvimento Profissional: no processo de inserção social do privado de liberdade, além de proporcionar a educação formal, é necessário capacitá-lo para obter condições de ser inserido no mercado de trabalho, formal ou informal.

Anualmente, com recursos do FAT e do Ministério da Justiça/DEPEN, são ministrados cursos de capacitação profissional, tais como, serralheiro, marketing, desenvolvimento de habilidade gerencial, técnicas de vendas, marceneiro, salgadeiro, doces cristalizados, carne defumada, embalagens, tratorista, acabamento em móveis, pintor de obras, azulejistas, encanador, manutenção elétrica, rebobinador de motores, etc., conforme aceitação mais fácil e rápida pelo mercado de trabalho.

Além dos privados de liberdade da Penitenciária, foram oferecidos cursos aos privados de liberdade das seguintes cidades: Anápolis, Caldas Novas, Catalão, Goiatuba, Itapuranga, Luziânia, Jataí, Minaçu, Morrinhos, Quirinópolis, Rio Verde e São Luiz de Montes Belos.

Outras atividades em parceria:

1. Universidade Estadual de Goiás – UEG: a) execução do Projeto “Vaga-lume” na Cadeia Pública de Anápolis, visando alfabetização dos privados de liberdade; b) execução do Projeto “Brinquedoteca”, pela unidade universitária da ESEFFEGO, destinados aos filhos e parentes dos privados de liberdade da Penitenciária Cel. Odenir Guimarães.

2. SESI, SEE e MEC – Telecurso 2000: destinados aos privados de liberdade da Casa de Prisão Provisória.

3. Universidade Federal de Goiás – UFG: implantação de biblioteca no Complexo Prisional, através do Sistema “Lê-devolve”, beneficia privados de liberdade, comunidade estudantil e os servidores.